Seja Bem-Vindo!

.



















GEOGRAFIA & ARQUITETURA      

Na cidade há vários prédios históricos que se misturam com modernas casas, o que embeleza os olhos dos turistas. Temos aqui a Igreja Matriz (católica), construída em 1879. O antigo Presídio Municipal, construído em 1886, é a única sede ainda em pé do antigo Banco Pelotense. O Presídio foi adquirido pela Prefeitura Municipal que possui um projeto para restaurá-lo. Igualmente antigo é o solar dos Oderich, que data de 1898 e a Igreja Evangélica, que foi construída em 1899.

A praça João Pessoa, agora com novo nome, Praça Cônego Edvino Pulh é tão antiga quanto o próprio município. No começo, como mostram antigas fotografias, a praça não passava de um descampado, muito longe do que é hoje. Haviam poucas árvores e muito menos bancos ou jardins. Bem arborizada e florida, a praça é um ponto de referência da cidade, também por sua privilegiada localização. Foi cena até mesmo de episódios históricos, estopim de um confronto político na década de 1930. A parte central registra importantes passagens da história do município, num monumento com várias placas comemorativas.

Em 25 de julho de 1945 foi construída a Pira da Pátria, que se ergue com imponência no topo da escadaria, que serve de palanque oficial para diversas festividades oficiais.

  A travessia de São Sebastião do Caí, para Matiel, até 1970, era feita pela BARCA (localizada no final da rua Pinheiro Machado), com capacidade para levar automóveis, ônibus e pessoas. Em 23/09/1970, foi inaugurada a ponte que liga a cidade à Matiel. O curioso é que esta ponte foi construída com  mão única, anos depois as outras duas pontes construídas por causas das cheias do Rio Caí, também foram com mão única, fato curioso que causa estranheza para quem não a conhece.

 

ASPECTOS FÍSICO-AMBIENTAIS

  São Sebastião do Caí possui uma altitude de 49 metros acima do nível do mar, latitude de 29°36’00” e longitude de 51°27’00”. O clima é mesotérmico do tipo temperado úmido, no verão a temperatura varia entre 25° e 35° e no inverno oscila entre 12° e 25°.

O relevo é constituído principalmente pela encosta do Planalto Meridional, modelada em rochas basálticas da formação Serra Geral. As encostas altimétricas variam de poucas dezenas de metros a cerca de 400 metros, destacando-se o Morro do Martim e o Morro da Vigia.

A rede hidrográfica pertence à Bacia do Rio Caí, e é constituída pelo Rio Caí  e seus afluentes (Arroio Cadeia, Arroio Coitinho e Arroio Paradiso). O rio Caí nasce nos banhados da Fazenda dos Taipas em São Francisco de Paula, com o nome de Santa Cruz e na altura do arroio dos Macacos, passa a denominar-se Caí. Sua extensão é de aproximadamente 200 km, por onde forma lindas paisagens, entre as quais, inúmeras cachoeiras. A Bacia Hidrográfica do Rio Caí é formada por 41 municípios, com área total de 10.579,00 km2, formando uma Bacia de 5.057,25 km2.

O município ao longo de sua história já sofreu grandes prejuízos com as enchentes. O Rio Caí e seus afluentes estão sujeitos a oscilações bruscas no seu nível na época das chuvas intensas. As enchentes máximas se elevaram a mais de 14 metros do leito normal do Rio. Foram os seguintes os níveis das grandes inundações na cidade de São Sebastião do Caí: 

em 1878 – 15 metros

em 1928 – 13,62 metros

em 1932 – 13,80 metros                    

em 1936 – 13,62 metros

em 1941 – 13,52 metros (em maio)

em 1941 – 13,40 metros ( em novembro)

em 1982 – entre 12 e 13 metros (não há registro do nível exato)

em 2000 – 14 metros ( dia 13/10/00)

em 2002 12,90 metros (dia 11/06/02)

em 2003 - 13,32 metros (dia 20/02/03)

 

A umidade relativa do ar, em toda a bacia do rio Caí é elevada durante todo o ano. Com relação a precipitação não conseguimos dados atualizados, as informações abaixo referem-se ao período que vai de 1963 a 1969, referente a precipitação média no semestre de inverno, específicos de São Sebastião do Caí, fornecidos pela CEEE na época:

Precipitação total do semestre:        772,5 mm

Dias de precipitação do semestre:     53,5 dias

Precipitação média anual:             1.482,0 mm

Precipitação média mensal:             123,5 mm

Dias de precipitação no ano:           105,1 dias

Dias de precipitação por mês:          8,8 dias.

O Morro do Martim é formado por uma mata nativa, que está resistindo ao desenvolvimento da cidade, sem a necessidade de lei, pois proprietários e moradores próximos tratam de manter a natureza intacta.

Enquanto a maioria das cidades de médio e grande porte planejam jardins botânicos, áreas verdes e designam espaços de preservação ambiental, o município apresenta uma intensa vegetação nativa às margens da RS 122. Trata-se da área situada nos fundos do Hospital Sagrada Família, e que acompanha o traçado urbano do centro da cidade em toda a sua extensão. As gerações se sucedem e aquela vegetação mantém suas características, com a natureza sendo a única encarregada de promover as alterações. Esta área pode ser considerada o pulmão da cidade, que diariamente fornece ar puro à população e um refúgio para diferentes espécies de animais como macacos, saracura, papagaio, graxaim, canários, saíra, entre outros. Na vegetação variada, podemos encontrar árvores nativas, como canela, cedro, cabriúva, figueira, carvalho e até pau-brasil. 

 

         ASPECTOS GEOGRÁFICOS E DEMOGRÁFICOS

Segundo dados do IBGE, no censo de  2.000, a população de São Sebastião do Caí era de 19.678 habitantes. O quadro abaixo nos mostra os dados deste 1980:

ANO          POP. URBANA          POP. RURAL         TOTAL

1980                14.836                      12.785               27.621

1991                11.952                      4.881                 16.833

1996                13.626                      5.537                 19.163

2000                15.937                      3.741                 19.678

A faixa etária dos habitantes da cidade, segundo o censo, está distribuída em população masculina 9.678 e 10.000 população feminina. A densidade demográfica é de 108 habitantes/km2.

 

Distritos e localidades:

A divisão territorial atual do Município não é mais por Distritos e, sim por Localidades, em número de 23, que são:

Angico  
Canto Alegre  
Monjolo
Rio Branco  
Areião
Chapadão  
Navegantes 
 Santa Terezinha
Arroio Bonito
Conceição 
Pareci Velho 
São Martim 
Barra do Cadeia 
Lajeadinho
Passo da Taquara 
Várzea
Campestre Conceição
 Maçonaria
Pinheirinho
Virador 
Campestre Sat. Terezinha
Mato  Grande
Quilombo

 

               Em torno de 75% da população do município professa a religião Católica, pertencente à Arquidiocese de Porto Alegre; 20% professam a religião Evangélica de Confissão Luterana no Brasil, pertencente ao Sínodo Nordeste Gaúcho, e os 5% restantes dedicam-se a outros credos, seitas e religiões.

ASPETCO ELEITORAL

Segundo dados oficiais do Cartório Eleitoral do municípios números de eleitores nos últimos anos são:

ANO
HOMENS
MULHERES
ANALFABETOS
MENORES
TOTAL
           
1998
7.073
7.249
476
301
14.322
2000
7.358
7.845
496
269
15.203
2002
7.806
8.300
488
357
16.106

O Cartório Eleitoral do Fórum de São Sebastião do Caí pertence à 11ª Zona Eleitoral do Estado e abrange mais os municípios de Portão, Capela de Santana, São José do Hortêncio, Bom Princípio, Harmonia e Tupandi.

Segundo o Censo/2000 a população do município é formada por 10.000 pessoas do sexo feminino e 9.678 do sexo masculino, numa densidade demográfica de 108 habitantes p/Km².


Considerações Finais: O presente trabalho não pretende ser definitivo, nem categórico em suas observações e conclusões. Tem caráter interdisciplinar e procurar abranger todos os aspectos da vida de São Sebastião do Caí, considerando as contribuições dos mais diferentes segmentos da comunidade, aliados aos dados estatísticos. Seu objetivo é servir como uma ferramenta aos gestores e planejadores do município, evidenciando suas potencialidades, demandas, carências e vocações, com vistas à promoção do desenvolvimento local sustentado, alavancando a economia local, qualificando as condições de vida dos moradores e preservando o meio ambiente.
DADOS E FONTES Perfil do Município, editado pela Agência da Caixa Econômica Federal de São Sebastião do Cai, Secretarias Municipais, Arquivo Municipal.
Elaboração final e Fotografias: Assessoria de Comunicação da Prefeitura Municipal de São Sebastião do Cai- RS, Pedro Griebler – contatos fone: 0xx51- 635-1066 – email:imprecai.pg@terra.com.br
Colaboração: Neiva Esteves, coordenadora do Museu Histórico Vale do Caí.


© Todos os Direitos Reservados 1998-2002